[ contato@ngarteprodutoracultural.com.br |(21) 3071-6864|(21) 97915-7626 ] Compartilhar: Facebook Google+ Twitter Addthis

Elda Evelina é artista visual, palestrante e escritora. As ilustrações e capas de seus livros, em sua essência de conteúdo espirituais, são criações suas. Suas obras (artes plásticas e eletrônicas), livros, palestras, mensagens e cartões estão publicados no site eldaevelina.com e seus livros também estão disponíveis no site bookess.com.br/profile/eldaevelina."





Diversidade

 

A Natureza se mostra de maneira exuberante, multicolorida, com várias nuances de tons e com formas as mais variadas e expressivas. Uma riqueza de detalhes que dificilmente conseguiremos abarcar com a nossa limitada capacidade de percepção.

Nós vemos essa Natureza de acordo com os nossos valores intelectuais e emocionais. Quanto mais conhecemos o que nos cerca, quanto mais ampliamos nossa condição de observadores, quanto mais aprendemos sobre as leis que regem os seres e os mundos, mais rica se torna para nós a Natureza com tudo que nela há. Ampliamos nossos horizontes e importante se torna buscar novos aprendizados, novos conhecimentos e mais felizes somos.

 
⇧  Clique para ampliar
Híbrida | Aquarela de Elda Evelina
80 x 60 cm | 2011

Não “vemos” só com os olhos, também com os ouvidos, com o olfato, com a sensibilidade, os sentimentos, as emoções, o tato, nossos condicionamentos, memórias, conceitos e conhecimentos.

Quanto mais conhecimento, memórias, sentimentos, melhor e mais aguçado torna-se nosso olhar para perceber e encantar-se pela a vida, as diversidades, a amplitude e profundidade de tudo o que nos cerca.

  Clique aqui para ver o vídeo da arte "Híbrida"

Quando nos mantemos limitados ao "isso ou aquilo", ao preto ou branco, ao bem ou mal, ao certo ou errado, o mundo é cinza, sem cor, sem beleza, sem graça, e nós, como seres desse mundo, também nos sentimos cinza, sem graça, sem beleza. Ficamos fechados em nós mesmos a nos expressarmos de maneira intransigente, sem flexibilidade para acolher alternativas outras que estão à nossa frente, nosso olhar não permite que sejam observadas e acolhidas em nossos corações.

No entanto, a partir do momento em que nos permitimos observar ao nosso redor com o olhar de quem quer ver melhor, de quem quer tentar sentir o mundo e a Natureza em toda a sua exuberância e multiplicidade de formas e cores, nós tiramos o "véu" cinza que encobre tudo e sentimos um prazer imenso na descoberta da exuberância e da beleza.

Descobrimos que a Natureza continua a mesma, o mundo continua igual, a grande mudança foi simplesmente o nosso olhar e o nosso sentir, ocorreu no nosso íntimo, na Alma.

 

MAIS DE ELDA EVELINA

  Clique aqui para ler na íntegra o texto “Diversidade”

  Clique aqui para ver o site de Elda Evelina

  Contato: elda@eldaevelina.com

 













Compartilhar: Facebook Google+ Twitter Addthis