Lélia Parreira, Belo Horizonte/MG



Lélia Parreira

Formação profissional

Graduação e Mestrado em Letras / Literatura: Faculdade de Letras da UFMG.
Doutorado e Pós-doutorado em Letras / Literatura Portuguesa: Universidade de São Paulo e Universidade de Lisboa.

Exercício profissional


Professora Titular da UFMG (graduação e pós-graduação 1966-1994) e na PUC Minas (1995- 2010), onde também dirigiu Centros de Estudos, foi editora de revistas, organizadora de publicações e congressos e orientadora de dissertações de Mestrado e teses de Doutorado.
Pesquisadora de
» Ironia e humor na literatura, com vários ensaios publicados em coletâneas e revistas no Brasil, em Portugal, no Peru e nos EE.UU., (tendo coordenado vários grupos de pesquisa sobre o assunto).
» As máscaras de Perséfone: figurações da morte nas literaturas portuguesa e brasileira contemporâneas (tendo coordenado, durante 8 anos, com o apoio do CNPq, um grupo de 24 (vinte e quatro) pesquisadores, de vários países, sobre o assunto, com 3 (três) livros publicados).

Principais publicações » Camões & Sá-Carneiro. Belo Horizonte: Editora Andrade, 1973, 76 p.
» Ironia e humor na literatura: São Paulo: Editora Alameda e Belo Horizonte: Editora PUC Minas, 2006, 358 p.
» Exercícios de viver em palavra e cor (Pinturas e poemas). Belo Horizonte, Editora Veredas & Cenários, 2009, 69 p.
» Potência e negatividade em Fernando Pessoa (Estudo crítico e pinturas). Editora Veredas & Cenários, Belo Horizonte), 2011, 62 p.


Formação artística

Curso livre na Escola Guignard, 1994.
Curso com o Prof. Carlos Buere, 1999-2005.
Curso com o Prof. Antônio Sérgio Moreira, 2008-2009.
Maison Escola de Arte, 2009 até o momento. Cursos com os Profs. Glauco Moraes, Yara Tupinambá, Fernando Pacheco, Léo Brizola, Marcelo AB, Luiz Flávio, Luiz Jahnel, Sandra Bianchi, Sebastião Miguel, Miguel Gontijo, Jarbas Juarez e Lúcio Teixeira.


Exposições individuais

“Exposição de pintura de Lélia Parreira” (15 telas), Galeria de Arte da PUC Minas (BH), 2005.
“Exercícios de viver em palavra e cor” (26 telas), Restaurante Casa dos Contos (BH), 2009.
“Lembrando Pessoa” (12 telas), Galeria de Arte Otto Cirne/Associação Médica de Minas Gerais (BH), 2011.
“Pintando Fernando Pessoa” (15 telas). Centro Cultural Yves Alves (Tiradentes/MG), 2013.
“Pintando Fernando Pessoa” (23 telas), Real Gabinete de Leitura (Salvador, Bahia), 2013.
“Fernando Pessoa e outros exercícios de viver” (26 telas). Exposição virtual interativa. “Nossa Galeria de Arte Produtora Cultural Ltda. São João de Meriti (RJ), 03.2013.
“Um olhar para a poesia de Fernando Pessoa” (29 telas). Galeria de Arte do CREA Cultural (BH), 2015.
“Fernando Pessoa e outros exercícios de viver” (12 telas). Museu de Santana (Tiradentes, MG), 2016.


Participação em exposições coletivas

“Possibilidades”. Casa dos Contos (BH), 2008.
“Pinceladas de sabor” (com “A dança dos milhos”, uma paródia de “A dança”, de Matisse). Restaurante Botica (BH), 2009.
“Cem Monas Lisas com Mona Lisa” (com “A Mona já não mais tão lisa”). Restaurante Casa dos Contos (Ouro Preto/MG), 2009.
“Pintando Fernando Pessoa” (com várias obras), Restaurante Casa dos Contos (BH), 2010.
“Cem Monas Lisas com Mona Lisa” (com “A Mona já não mais tão lisa”). Palácio das Artes (BH), 2010.
“Cem Monas Lisas com Mona Lisa” (com “A Mona já não mais tão lisa”). Assembléia dos Deputados (Brasília, DF), 2011. (Note-se que a votação popular elegeu como preferida, nos três espaços, “A Mona já não mais tão lisa”, de Lélia Parreira, feita a partir de fotos de Sebastião Salgado).
“Arte Atual – Anuário 2011” (com “Ode marítima”). Livraria Cultura (Brasília, DF), 2011.
“O quarto sem Van Gogh” (com “Ausência e vazio”). Galeria de Arte do PIC Cidade (BH), 2011.
“Tributo a Frida Kahlo” (com 4 (quatro) versões de Frida Kahlo). Restaurante Casa dos Contos (BH), 2012.
“Pablo Picasso – Tradução 2012” (com “O beijo”, co-autoria com Etel Ferrão), Casa de Arte Glauco Moraes (BH), 2012.
“Artistas do catálogo 2012” - Exposição coletiva virtual interativa. Nossa Galeria de Arte Produtora Cultural Ltda. São João de Meriti (RJ), 28.01. 2013 a 30.04.2013.
“Paisagens urbanas” (com “Fogo na lagoa”). Casa de Arte Glauco Moraes (BH), 2013.
“Dueto em duelo” (com Releituras de Edvard Munch: Um lado do dueto traz releitura de “Le Fjord Tonsberg” (1888), da fase impressionista de Munch. Do outro lado, estão releituras da fase expressionista do artista: “O grito” (1893), “Puberdade” (1895) e “Nu devant le lit” (1930).). Galeria de Arte Shopping Ponteio (BH), 2013.
“Dentro do meu vazio” (com “Eu é o nome do vazio”). Casa de Arte Glauco Moraes (BH), 2014.
“Outubro em cores” - Exposição coletiva virtual interativa. Nossa Galeria de Arte Produtora Cultural Ltda. São João de Meriti (RJ), 15.10.2015 a 13.01.2016.
“Sempre Guignard” - Exposição temática coletiva (com “A Belo Horizonte que Guignard não pintou”). Maison Galeria de Arte (BH), Junho 2015.
‘William Shakespeare – 400 anos depois’, “Exposição coletiva temática de artes visuais (com “Hamlet e a irônica modernidade de Shakespeare”), Museu Mineiro (BH). Abril, 2016.
“Clara ilumina Minas” – Exposição coletiva em homenagem a Clara Nunes (com “Morena de Angola”). Museu da Cidade (BH), agosto 2017.


Participação em publicações de arte

“A Mona já não mais tão lisa”. In: FERRAZ, Eugênio; MORAES, Glauco; JUNQUEIRA, Ivanise. Cem Monalisas com Mona Lisa. Belo Horizonte, 2009, p. 106.
Oito pinturas. In: BUARQUE, Marcos. Arte atual – Anuário 2011. Salvador, 2011, p. 70-72.
Oito pinturas. In: BUARQUE, Marcos. Arte Atual – Anuário 2012. Salvador, 2012, p. 33-35.
Quatro pinturas. In: BUARQUE, Marcos. Anuário Arte Atual. Edição especial 2013/2014. Salvador, 2014, p. 41-42
Oito pinturas. In: Ofício Arte (Grupo Maison, Belo Horizonte, 2014), p. 78- 87.

Atualmente, além de continuar a sua produção individual de pinturas a partir de textos de Fernando Pessoa, Lélia tem desenvolvido outros projetos, que incluem incursões na área do abstrato.